Yamaha TRBX

A Yamaha lançou há pouco tempo um baixo híbrido, um mix entre duas séries de sucesso da marca: TRB e RBX. O que parece ser interessante no instrumento, é que realmente parece ser um produto com o melhor das duas séries, principalmente no TRBX 304 ou 305 que traz algumas opções de equalizações pré definidas bem ricas além do grave e agudos.

As possibilidades de timbres são bem variadas apenas com o pre amp interno o chamado Performance EQ. Uma boa pedida para quem gosta de ativos e grande variedade de técnicas.

Yamaha TRBX 305

Yamaha TRBX 305

O baixo deve demorar um pouco ainda a ficar popular e começar a circular, motivo pela qual neste momento, dá para avaliar apenas pelos vídeos da própria Yamaha. Aqui, ficam dois, um com as possibilidades de timbres e outro com o John Patitucci falando sobre os baixos.

Yamaha TRBX 304 e 505

John Patitucci

Características comuns

  • Corpo em Mógno
  • Braço parafusado com laminações de maple e mógno.
  • Escala de 34″ em rosewood e
  • A ponte é de metal de alta densidade com 18mm de espaçamento entre cordas

TRBX 304/305

  • Captadores cerâmicos MHB3n e MHB3bpara ponte e braço.
  • Controles de Volume geral, Balanço de captadores, Grave, Agudo e EQ de performance em forma de chave
  • Disponível em 4 (304) ou 5 (305) cordas

TRBX 504/505

  • Captadores Alnico V HHB5n e HHB5b para braço e ponte
  • Controles de Volume mestre, Panorâmico de captadores, Grave, Médio, Agudo e chave seletora entre o modo passivo e ativo.
  • Alerta de bateria
  • Disponível em 4 (504) ou 5 (505) cordas

    Yamaha TRBX 174

    Yamaha TRBX 174

TRBX174

O TRBX 174 foge um pouco à regra acima, pois traz um corpo em alder e braço em maple sem laminações. A captação é mais simples também, estilo PJ.

Deixe sua mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *